PM prende no Rio Grande do Norte homicida perigoso do estado do Ceará

0
Compartilhe

20130305111749_capaDepois de um assalto a uma residência no bairro Santo Antônio, seguido de perseguição, troca de tiros, a Força Tática da Polícia Militar, prendeu em Mossoró, na noite desta segunda-feira (4), um perigoso homicida, que atua nos estados do Ceará e Rio Grande do Norte. José Rosivan Félix, o Vaim, de 34 anos, já teria matado várias pessoas por onde passou.

Junto com Vaim, a PM prendeu Francisco Ranieri do Nascimento, de 18 anos, que na troca de tiros sofreu três tiros na virilha, tendo um dos tiros acertado seu pênis. Está internado em estado grave no Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró. Vaim, que não encarou a Policia e tentou fugir a pé, terminou capturado.

Os policiais militares informaram que a dupla, usando uma moto Honda Fan 150, azul, placa MZM 8629, fizeram um assalto e foram localizado nas imediações da Rua João Cordeiro, quando tentavam fugir. Ao avistar a PM, a dupla jogou fora os produtos tomados no assalto, que foi apreendido pelos policiais e devolvidos aos proprietários.

Vaim disse na Delegacia de Plantão que mora no Ceará.

A motocicleta havia sido emprestada a dupla. Ranieri continua internado no HRTM e Vaim, após ser ouvido e negar todos os crimes na Delegacia de Plantão, em Mossoró, deve ser enviado para a cidade de Iracena, no Ceará, de onde é foragido.

Quem é Vaim

José Rosivan Felix, de 33 anos, natural Iracema (CE), onde havia sido preso e acusado de tentativa de homicídio. Fugiu do presídio no dia 06 de Outubro de 2012.

Em Mossoró – José Rosivan, é acusado pela morte de “Isaías Soares dos Santos”, “Baiano” , de 27 anos, morto na Rua Dolores do Carmo Rebouças, no dia 13 de Outubro;

Em Baraúna – Vaim é acusado da morte de Marcio Roberto da Silva Fernandes, de 36 anos, na Avenida principal no dia 14 de Outubro de 2012.

Segundo os policiais, Vaim já passou por várias cidades do Ceará e também do Rio Grande do Norte e já teria matado, segundo estimativas da PM, mais de 30 pessoas.

Fonte: De Fato, com informações de O Câmera


DHomem

Deixe um comentário