MPCE pede afastamento do prefeito de Santa Quitéria e bloqueio de R$ 500 mil

0
Compartilhe

O Ministério Público do Estado do Ceara (MPCE), por meio do promotor Déric Funck Leite, da 2ª Promotirua de Justiça de Santa Quitéria, pede o afastamento do prefeito do Município, Tomás Figueiredo, e do bloqueio de R$ 500 mil dele e de Francisco Roberto Rocha Freire.

O gestor é acusado de praticar improbidade administrativa ao usar a máquina pública em benefífico da construção de um parque de vaquejada particular.

Em tempo

Caso a Justiça acate o pedido, Tomás ficará 180 dias afastado do cargo para ser investigado.

ceara news7


DHomem

Deixe um comentário