Sindicato dos Médicos do Ceará pede que profissionais não compareçam ao trabalho

0
Compartilhe

WhatsAppImage2019-01-08at10.14.46

 

O texto é direcionado a médicos da Capital e do Interior e diz que a medida é pela segurança dos profissionais.”Relatos graves de violência foram repassados à entidade, desde assaltos a toques de recolher. Desta maneira, com o objetivo de resguardar a vida dos médicos e da população, o Sindicato orienta que os profissionais preservem a sua integridade física[…]’, afirma a nota publicada nas redes sociais e no site oficial do sindicato.

A entidade diz ainda que os médicos receberão apoio jurídico “irrestrito” do sindicato e declara que oficiará as Prefeituras bem como o Governo do Estado sobre a recomendação.
Veja nota do Sindicato dos Médicos do Ceará na íntegra: 
O Sindicato dos Médicos do Ceará, no uso de suas atribuições legais, recomenda a todos os médicos de Fortaleza e Municípios que estejam sofrendo com os atentados violentos registrados nos últimos dias no Estado a não comparecerem aos seus locais de trabalho até que lhe sejam assegurados as condições mínimas de segurança. Relatos graves de violência foram repassados à entidade, desde assaltos a toques de recolher. Desta maneira, com o objetivo de resguardar a vida dos médicos e da população, o Sindicato orienta que os profissionais preservem a sua integridade física até que a situação extrema e inaceitável de violência esteja sob controle, especialmente, aqueles que atuam nos postos de saúde da Capital, tendo em vista a retirada das equipes de segurança pela Prefeitura.
 
Os médicos receberão o apoio jurídico irrestrito da entidade, que oficiará Prefeituras e Governo do Estado comunicando a orientação e solicitando, mais uma vez, que os responsáveis garantam a plena segurança nas unidades de saúde e seja garantido o abono de eventuais faltas. Esta recomendação serve como notificação aos órgãos públicos quanto à ausência dos médicos contratados, estando, portanto, o Sindicato de prontidão para atender qualquer convocação do Poder Público no sentido de representar todos os seus associados.
 
O Sindicato aguarda um posicionamento das autoridades quanto às medidas concretas que serão adotadas para garantir a plena segurança dos médicos e da população que dependem do sistema público de saúde. O Estado do Ceará vive um cenário crítico de violência, no qual aqueles que mais necessitam sofrem com a carência de implementação de medidas eficazes para a garantia de direitos fundamentais, como saúde, segurança e, sobretudo, dignidade. 
Confira a cobertura do O POVO sobre a onda de ataques no Ceará:
3/1/2019
 
4/1/2018
 
 

14h32min. | Ceará receberá 30 homens da “tropa de elite” da Polícia Federal

15h08min. | Saiba os municípios onda há ataques confirmados 

15h38min. | Frota de topiques é recolhida devido a ataques 

16 horas. | General Mourão diz que culpa da crise é de Camilo, “que sempre tratou mal a PM” 

16 horas. | Bolsonaro: “Força Nacional decola hoje ao Ceará, apesar de o governo ser oposição”

16h10min. | Concessionária atacada apura prejuízos e continua funcionando nesta sexta-feira e no sábado

16h43min. | “Interesses da população estão acima de qualquer interesse pessoal ou partidário”, diz Camilo

16h49min. | Cinco veículos da Enel são incendiados nesta sexta-feira em três municípios do Ceará

16h50min. | Mais oito veículos são incendiados nesta sexta-feira, 4, em ataques no Ceará

16h53min. | André Costa publica foto com secretário da administração penitenciária: “O acocho não vai parar”

17h. Tropa da Força Nacional ficará alojada no Centro de Formação Olímpica do Ceará

18h20min. | Três delegacias já foram alvo de ataques no Ceará; uma quarta sofreu tentativa 

18h22min. | 250 detentos do Ceará foram autuados por onda de violência no Estado 

18h38min. | Fortaleza terá 36 ônibus circulando até meia noite desta sexta, com policiais em todos eles

19h. | Com pelo menos 60 ataques, onda de violência já é a maior da história 

19h4min. Após segundo dia de ataques no Ceará, Camilo Santana cria gabinete de crise 

19h45min. | Metrô e VLT encerram operações mais cedo por conta dos ataques em Fortaleza

20h22min. Força Nacional chega a Fortaleza

20h43min. PM-CE contradiz fala de Mourão sobre efetivo policial em atuação no Estado


22h06min. 
Fotossensor é danificado no José Walter

22h15min.
 |

Fortaleza terá 41 linhas de ônibus operando neste sábado; veja quais

22h23min. Cearense assume a Força Nacional de Segurança nesta sexta-feira

5/1/2019
6/1/2019
7/1/2019
8/1/2019

MATHEUS FACUNDO

o povo


DHomem

Deixe um comentário