Sejus confirma a fuga de 21 presos

0
Compartilhe

imageQuatro dias após ser registrada mais uma fuga na Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor José Jucá Neto (CPPL III), no Complexo Penitenciário Itaitinga II, a Secretaria de Justiça (Sejus) comunicou oficialmente que 21 presos escaparam da unidade. Quinze estão foragidos, dentre eles criminosos apontados pela Polícia do Estado, como muito perigosos.

José Delano Diógenes, conhecido como ‘Delaninho’, que já responde por homicídio, três roubos e porte ilegal de arma de fogo é um dos detentos que voltou às ruas, no último sábado (10). Ele havia sido preso em junho de 2014, no Rio Grande do Norte, na praça de alimentação de um shopping.

‘Delaninho’ foi reconhecido por um policial cearense que estava à paisana no local. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto. Logo após a captura, ele foi recambiado para o Ceará. Desde então, não havia sido informado para qual penitenciária iria, por questões de segurança.

Em 2014, investigações da Polícia Civil apontaram a possibilidade de Diógenes estar preparando um ataque no Rio Grande do Norte. O foragido também é conhecido das autoridades por liderar uma série de ataques a bancos, muitos deles na região do Vale do Jaguaribe. Quando foi preso, a Polícia descobriu que ele vivia em Mossoró, usando identidade falsa.

Foragidos

Além de ‘Delaninho’, estão foragidos Albino Afonso Costa, Alexandro da Silva Freitas, Antonio Cleiton Honorato da Silva, Edson Marcos de Oliveira Ferreira, José Carlos Ferreira Gomes, José Humberto da Silva, José Ivan Pessoa da Cruz, José Mardônio Araújo de Sousa, José Mauro de Sousa Matos, Michelson Lopes de Almeida, Raimundo Anderson Lima de Sousa, Silvano Paulino Anastácio, Vicente Leite Sobreira e José Antônio de Sousa.

A CPPL III é dominada por integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Com estes últimos 15 foragidos, só neste ano, já são 89 detentos que conseguiram escaparam da unidade prisional.

 

Diário do Nordeste


DHomem

Deixe um comentário