Instalação das câmeras de videomonitoramento foi iniciada na cidade de Russas

0
Compartilhe

27628801_1514415198655625_3443641376095068772_o-597x370Foi iniciada na tarde desta quarta-feira, 31 de janeiro, a instalação das câmeras de videomonitoramento na cidade de Russas, que irá receber nessa primeira etapa 12 equipamentos a serem instalados em pontos estratégicos da cidade com o intuito de garantir mais segurança a população e inibir a atuação de assaltantes em áreas de comércio, bancos, e locais de maior circulação.

O projeto é uma parceria do Governo do Estado, e Prefeitura Municipal de Russas, e muito em breve o governador Camilo Santana juntamente com o prefeito Weber Araújo estarão entregando esse importante serviço ao povo russano.

Posteriormente, na segunda etapa do projeto, o Município de Russas irá instalar mais 22 câmeras de segurança, totalizando 34 equipamentos em diferentes pontos da cidade, garantindo mais segurança para os russanos.

O sistema de videomonitoramento é uma ferramenta moderníssima que contará com equipamentos que se dividem entre os de monitoramento de imagens, com giro de 360º, e os que possuem tecnologia para ler placas de veículos, identificando os carros roubados e enviando sinal para as autoridades. É uma tecnologia que reproduzirá imagens de diversos pontos da cidade, para que a população possa ser monitorada de maneira permanente, e assim proporcione mais segurança à sociedade.

Para o gestor Weber Araújo, o projeto era um compromisso de sua Gestão para com a população russana, que se concretiza graças a parceria com o Governo do Estado, que vem trabalhando incansavelmente para garantir mais segurança para o povo cearense. Ele ressaltou ainda que esse sistema de câmeras se tornará uma ferramenta importantíssima na garantia de mais segurança para a população russana, se tornando fundamental para que as polícias possam identificar a autoria de diversos crimes que venham a ocorrer na cidade.

Sistema de videomonitoramento

O projeto de videomonitoramento prevê a instalação de cerca de 700 câmeras em 38 cidades do Ceará com população acima de 50 mil habitantes. O investimento anual do Governo do Ceará na disposição das câmeras e operação do serviço é em torno de R$ 20 milhões para as 38 cidades. Os equipamentos se dividem entre os de monitoramento de imagens, com giro de 360º, e os que possuem tecnologia para ler placas de veículos, identificando os carros roubados e enviando sinal para as autoridades.

Os municípios contemplados serão: Russas, Maracanaú, Maranguape, Eusébio, Acaraú, Crato, Caucaia, Aracati, Morada Nova, Quixadá, Itapajé, Limoeiro do Norte, Quixeramobim, Baturité, Iguatu, Juazeiro do Norte, Barbalha, Icó, Aquiraz, Beberibe, Cascavel, Horizonte, Pacajus, Pacatuba, Itapipoca, Sobral, Camocim, Canindé, Granja, São Benedito, Viçosa do Ceará, Tianguá, Trairi, Crateús, Acopiara, Boa Viagem e Tauá. São Gonçalo do Amarante também vai receber o monitoramento, apesar de não contar com 50 mil habitantes, em virtude do potencial econômico da região.

Atualizada em 01/02/2018 às 09h06min27628801_1514415198655625_3443641376095068772_o-597x370


DHomem

Deixe um comentário