Homem mata esposa enforcada na Parangaba após ela pedir divórcio

0
Compartilhe

mulher-assassinada-divorcio-parangaba-reproducao-facebookNa madrugada de quinta-feira, 1º, Cícera Carla de Almeida foi agredida e morta pelo marido, Alexandre Martins Caminha. Logo após, o homem se entregou à polícia e foi autuado em flagrante pelo crime de feminicídio. O casal estava junto há 20 anos e, segundo o criminoso, o assassinato foi motivado pelo pedido da mulher pela separação.

O crime aconteceu no bairro Parangaba, no apartamento onde os dois moravam. Depois de agredir e enforcar Cícera com uma corda, Alexandre abordou policiais do Comando Tático Motorizado (Cotam), na avenida Godofredo Maciel e confessou. A partir das declarações, os agentes foram até a casa e encontraram o corpo da vítima.

De acordo com informações do perfil do Facebook de Cícera, ela era enfermeira e trabalhava no hospital Frotinha de Messejana. A vítima era mãe de um adolescente. O homem que a matou foi encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

A morte de Cícera faz parte de uma estatística alarmante. Somente no mês de janeiro deste ano, 43 mulheres foram mortas até o dia 29. O número representa um aumento de 330% comparado ao mesmo período de 2017. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Redação O POVO Online


DHomem

Deixe um comentário