Foragido da Justiça de Goiás é preso pela Polícia Civil do Ceará quando comprava passagem aérea para fugir do Estado

0
Compartilhe

 

A delegacia especializada também apresentou quatro capturas oriundas de outras ações, que culminaram nas apreensões de drogas e uma arma de fogo

A Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) apresentou, na manhã desta quinta-feira (14), três ações oriundas de investigações desencadeadas pela delegacia especializada, que resultaram nas prisões de cinco suspeitos. O trabalho resultou ainda nas apreensões de drogas e uma arma de fogo. Em uma das apurações, os policiais civis prenderam um homem foragido do Estado de Goiás, após a compra de uma passagem aérea para Brasília, local para onde ele pretendia fugir.

Por meio de investigações, a DCTD chegou a Cleber José Martins (33), quando este saía do Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza. Conforme os levantamentos, contra Cleber havia um mandado de prisão por estelionato oriundo da comarca de Goiânia, em Goiás. Ainda em seu Estado de origem, ele é investigado por participação em um triplo homicídio ocorrido em 2017.

Cleber José Martins (33)

Após identificar que o suspeito pretendia fugir do Ceará, os policiais iniciaram as diligências que culminaram em sua localização. Na abordagem, ele apresentou uma identidade falsa, momento em que recebeu voz de prisão. Diante disso, o goiano confessou que de fato era foragido da Justiça do seu Estado. Com ele, foram encontrados documentos, cartões bancários com nomes falsos e dinheiro. Inclusive, foi utilizando de outra identificação, que Cleber comprou as passagens aéreas.

O criminoso foi encaminhado para a sede da DCTD, onde foi autuado em flagrante por crime contra a fé pública. Agora, ele se encontra à disposição do Poder Judiciário. A ação ocorreu na terça-feira (12).

No mesmo dia, a delegacia especializada prendeu Marcos Natanael Laureano de Alencar (21), no bairro Paupina (AIS 3) de Fortaleza. O homem, que já possui passagens pela Polícia por roubo qualificado, sendo um deles contra uma casa lotérica, e por associação criminosa, tentou empreender fuga quando visualizou a aproximação da Polícia Civil. Após intensa perseguição, o criminoso que estava em um veículo Toyota Corolla, foi capturado na localidade conhecida por “Estrada do Fio”, em Messejana (AIS 3).

Com a prisão de Marcos Natanael, a Polícia Civil diligenciou até algumas residências do suspeito, no bairro Bonsucesso (AIS 6). Em uma delas, a equipe apreendeu uma pistola calibre 9 mm, com 17 munições intactas. De acordo com os levantamentos da Polícia Civil, a arma pertencia a um policial federal do Rio Grande do Sul. O suspeito foi autuado por posse ilegal de arma de fogo, resistência e desobediência.

Já ontem (13), os policiais civis da DCTD prenderam três suspeitos, quando estes se preparavam para a venda e compra de ilícitos, em Maracanaú (AIS 12). De acordo com as investigações, os suspeitos iriam até o um posto de combustíveis, próximo à rotatória da BR 222. Após diligências, os profissionais de segurança visualizaram a aproximação de duas mulheres, em uma motocicleta. Uma delas repassou uma mochila para um suspeito, que também estava em uma moto, e este repassou uma segunda bolsa para a suspeita. Quando o trio se preparava para sair, a Polícia Civil abordou o trio e deu voz de prisão.Foram apreendidos quase três quilos de maconha, aparelhos celulares e valores em espécie.

As duas mulheres foram identificadas por Eduarda Sousa de Paula (20) – sem antecedentes; e Sâmya Santiago de Lima (21) – com antecedente criminal por estelionato. Condutora e garupeira, respectivamente. Já o preso foi identificado por Lucas Carvalho Viana de Sousa (22) – sem antecedentes. Os três foram autuados por tráfico de drogas, e a Polícia Civil agora apura o envolvimento de outras pessoas no esquema ilícito.


DHomem

Deixe um comentário