Fim de semana deixa 36 pessoas mortas no Ceará em acidentes e assassinatos

0
Compartilhe

Cel.-CarvalhoTrinta e seis pessoas morreram de forma violenta no fim de semana em todo o estado do Ceará, conforme balanço parcial das ocorrências policiais registradas entre a última sexta-feira (1º) e o começo da madrugada de segunda (4). Foram 29  assassinatos – a maioria no Interior do estado – e mais sete mortes decorrentes de acidentes de trânsito.

Dos 29 homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de óbito, 19 ocorreram no Interior, sendo 13 no Interior Sul e mais nove no Interior Norte.  Já na Grande Fortaleza foram mais 10 homicídios, além de sete pessoas que perderam a vida em acidentes de trânsito.

Entre os crimes de morte do fim de semana, um caso de duplo assassinato ocorrido na noite de domingo no bairro Curió, palco da maior chacina já registrada na Capital, em 2016. Ali, dois jovens foram executados a tiros na Rua Um por volta de 21 horas. Há suspeitas de que o fato esteja ligando à guerra entre facções criminosas.

Também na Grande Fortaleza, um agente da Segurança Pública foi morto em meio a uma tentativa de assalto. O caso aconteceu na noite de sábado passado (2), na cidade de Horizonte. O guarda Municipal Paulo Régis Lopes, 29 anos, foi baleado pelos criminosos e acabou morrendo quando era atendido na Emergência da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

No Interior Norte, a Polícia registrou seis homicídios nos seguintes Municípios: Santa Quitéria, Catunda, Caridade, Sobral, Cariré e Coreaú.

No Interior Sul, foram 13 crimes de morte nos seguintes Municípios: Mombaça (3 casos), Tabuleiro do Norte (2 casos), Milhã (duplo homicídio), Icó, Iguatu, Crato, Palhano, Orós e Brejo Santo.

Grande Fortaleza

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), ocorreram, ao menos, seis homicídios nos municípios a seguir: Caucaia (Parque Potira), Maracanaú (Novo Maracanaú), São Gonçalo do Amarante ( na localidade de Violete, Distrito de Croatá), além de três assassinatos, um deles latrocínio, no Município de Horizonte (no Centro, no bairro Mangueiral e no Distrito de Dourados).

Em Fortaleza. Uma mulher de 52 anos, professora, foi assassinada brutalmente dentro de sua residência, no bairro Serrinha. Era Maria Célia Teixeira. Segundo a Perícia, ela foi morta a facadas e ainda asfixiada com um saco plástico na cabeça.

Trânsito violento

Sete pessoas perderam a vida em acidentes de trânsito nos seguintes Municípios: Itarema, Ocara, Quixeramobim, Aquiraz, Sobral (duas mortes), além de um caso em Fortaleza, na Avenida Coronel Carvalho, na Barra do Ceará.

Ceara news7

DHomem

Deixe um comentário