Eunício está entre os “Cabeças” do Congresso pela 10ª vez

1
Compartilhe

1485980096754-eunicioO senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional, está novamente na lista dos chamados “Cabeças” do Congresso, segundo pesquisa do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Daip). Essa é a 10ª vez que o parlamentar se destaca tanto em âmbito nacional quanto no recorte por estado. O PMDB é o partido que possui mais senadores na lista, nove do todo.

Conforme entendimento do Diap, os “Cabeças” do Congresso Nacional são “aqueles parlamentares que conseguem se diferenciar dos demais pelo exercício de todas ou algumas das qualidades e habilidades aqui descritas”. Foram destacados ao todo 100 legisladores, sendo 60 deputados federais e 40 senadores.

“Entre os atributos que caracterizam um protagonista do processo legislativo, destacamos a capacidade de conduzir debates, negociações, votações, articulações e formulações, seja pelo saber, senso de oportunidade, eficiência na leitura da realidade, que é dinâmica, e, principalmente, facilidade para conceber ideias, constituir posições, elaborar propostas e projetá-las para o centro do debate, liderando sua repercussão e tomada de decisão”, ressalta a publicação.

Em sua trajetória, tanto como deputado federal quanto agora como senador, Eunício sempre se destacou por sua atuação com homem do diálogo e do entendimento. Autêntico defensor do processo democrático, assumiu posições de relevo no parlamento, a exemplos de líder de bancada, líder da maioria, presidente de comissões permanentes, relator de projetos importantes e, atualmente, como presidente do Congresso Nacional.

“Estar nesta lista novamente é motivo de muita alegria, mas também uma reafirmação de certeza da enorme responsabilidade que tenho para com o meu estado e o meu país. Seguirei firme, atento às minhas prerrogativas como parlamentar e presidente do Poder Legislativo, bem como às demandas advindas da população brasileira”, declarou Eunício.

Ceara Agora


DHomem

1 Comentário

Deixe um comentário