Em pesquisa pós-atentado, Bolsonaro chega a 30%. Ciro vem em segundo

0
Compartilhe

MG - ELEIÇÕES 2018/BOLSONARO - POLÍTICA - O candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro (de camiseta amarela), é   socorrido após ser esfaqueado durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG), nesta   quinta-feira, 06. O presidenciável foi levado para o hospital. De acordo com Flavio   Bolsonaro, filho do candidato do PSL, o ferimento foi superficial e Bolsonaro passa bem.   Antes do ataque, tumultos, tensão e bate-boca marcaram a visita de Bolsornaro ao hospital   filantrópico da Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer (ASCOMCER) e   também um almoço com o candidato em um hotel em Juiz de Fora, Minas Gerais.   06/09/2018 - Foto: FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, subiu 4%, passando de 26 para 30% das intenções de voto. [E o que mostra pesquisa registrada pelo BTG. Foi a primeira pesquisa pós-atentado, informa a Veja Online nesta segunda-feira.

Bolsonaro subiu também na intenção de voto espontânea, saindo de 21 para 26%.

Já Ciro Gomes (PDT) vem em segundo lugar, com 12%, o mesmo porcentual que tinha no levantamento anterior.

Marina Silva, Fernando Haddad e Geraldo Alckmin estão empatados com 8%. Na pesquisa anterior, Marina tinha 11%, Alckmin estava com os mesmos 8% e Haddad, 6%.

João Amoêdo, Álvaro Dias e Henrique Meirelles estão com 3%. Do trio, o único com trajetória ascendente é Meirelles. No levantamento anterior, ele teve 2%. Antes, cravava 1%

Amoêdo, na pesquisa anterior, estava com 4%.

A pesquisa foi feita pela FSB entre os dias 8 e 9 de setembro, com 2000 eleitores, e está registrada no TSE com o número 01522/2018. A margem de erro é de 2%, com intervalo de confiança de 95%

blog Eliomar


DHomem

Deixe um comentário