Corpos de pai e de filho de 14 anos são encontrados com sinais de crueldade

0
Compartilhe

image (1)Os corpos de um homem de 40 anos de idade e de seu filho, de apenas 14, foram encontrados com sinais de crueldade, na zona rural do Município de Catunda (a 259 km de distância de Fortaleza), na manhã deste domingo (4). Ninguém foi preso pelo duplo homicídio.

De acordo com a Polícia Militar de Santa Quitéria, que atendeu a ocorrência, o mecânico Raimundo Nonato Félix da Silva e o estudante Eduardo Félix do Nascimento já foram encontrados mortos, por populares, que acionaram a Polícia por volta de 6h40.

Raimundo Nonato foi decapitado, enquanto o seu filho teve o corpo totalmente carbonizado e o pescoço cortado. Não havia perfuração de disparo de arma de fogo, segundo a Polícia Militar. Os familiares moravam no Município de Monsenhor Tabosa, vizinho à Catunda.

Os corpos foram encontrados próximo a um veículo Chevrolet Celta, de placas HXK-9597, que também foi totalmente carbonizado pelos criminosos.

Ainda conforme a PM, informações preliminares apontam que Raimundo Nonato recebeu uma ligação na noite do último sábado (3) e, em seguida, saiu da sua residência, levando o filho. Ninguém teve mais notícias da dupla até os corpos serem encontrados.

A Polícia ainda não tem conhecimento da motivação do crime, já que pai e filho não tinham passagens pela Polícia, o mecânico era tido como uma pessoa de “boa índole” e o filho era um estudante de apenas 14 anos.

Os corpos foram recolhidos pela Perícia Forense do Ceará (Pefoce). O duplo homicídio será investigado pela Delegacia Municipal de Santa Quitéria, da Polícia Civil.

Diário do Nordeste


DHomem

Deixe um comentário