Bolsonaro vai a 59%; Haddad tem 41%

0
Compartilhe

Pesquisa Datafolha divulgada ontem mostra que Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança da corrida eleitoral pela Presidência neste segundo turno, com 59% das intenções de voto. Fernando Haddad (PT) tem 41%. Foram entrevistados 9.137 eleitores em 341 municípios entre ontem e hoje.

 

O cálculo leva em consideração apenas os votos válidos, ou seja, exclui os brancos, nulos e indecisos. Os dois candidatos apenas oscilaram em relação à pesquisa anterior do Datafolha, divulgada na semana passada, que mostrava o capitão da reserva com 58% e o ex-prefeito de São Paulo com 41%.

 

Quando considerados os votos totais, o candidato do PSL oscilou de 49% para 50%, enquanto o petista passou de 36% para 35%. A parcela disposta a votar nulo ou em branco foi de 8% para 10%, enquanto os indecisos oscilaram de 6% para 5%.

Bolsonaro lidera em todas as regiões do País, com exceção do Nordeste, onde o candidato do PT tem 53% dos votos totais, ante 31% do deputado federal pelo Rio de Janeiro. No Sul e no Sudeste, o representante do PSL tem 61% e 55%, respectivamente, e o adversário, 27% e 29%.

 

A rejeição a Haddad é a maior no segundo turno: 54% dos eleitores afirmaram que não votariam nele de jeito nenhum. Sobre Bolsonaro, 41% emitiram a mesma opinião.

 

O Datafolha também constatou que os simpatizantes do candidato do PSL são os mais convictos: 48% afirmam que votarão nele “com certeza”. Outros 10% dizem que “talvez” votarão nele.

 

No caso de Haddad, 33% afirmam que votarão nele “com certeza” e outros 12% admitem essa possibilidade.

 

O instituto questionou os entrevistados sobre a importância de participar de debates no segundo turno. Para 67% dos ouvidos, a participação é muito importante. Outros 13% veem o tema como “pouco importante”, e 19% como  “nada importante”.

 

Bolsonaro, alegando problemas de saúde, já anunciou que não participará de debates. Os entrevistados se manifestaram especificamente sobre a ida dele a esses eventos: 73% consideram que ele deveria comparecer, e 23% manifestaram opinião contrária

 

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-07528/2018. A margem de erro do levantamento é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. Os contratantes foram Folha e pela TV Globo.

 

(Agência Estado)


DHomem

Deixe um comentário